Já imaginou ter no quintal de sua casa uma árvore com a fruta que você mais gosta? E ainda poder, desde pequeno, cuidar dela, acompanhar seu desenvolvimento e colher seus frutos? E se você tivesse a oportunidade não apenas de ter essa árvore em seu quintal, como também contribuir para que uma cidade inteira receba novas mudas? Pois este é o objetivo de um projeto lançado pelo GAA (Grupo dos Amigos das Árvores) em parceria com a Secretaria de Educação de Nova Odessa. A iniciativa prevê o plantio de 30 mil mudas de árvores nativas e frutíferas e a conscientização ambiental das crianças da rede pública de ensino.

O GAA é formado pelas empresas Profil Indústria e Comércio de Fios, Ortofil/Ortobom Indústria e Comércio e Serviços, KS Pistões e Daune Travesseiros de Penas Ltda. e doou as mudas para o projeto. O grupo conta com auxílio da Secretaria de Meio Ambiente de Nova Odessa e do Instituto Plantarum, responsável pela orientação de escolha de mudas e procedimentos.

Diretor de Projetos e Programas Educacionais da Secretaria de Educação, Achille Nicola Fosco explicou que através do projeto as crianças aprendem na prática sobre a importância das árvores para o ecossistema. “Além dos conhecimentos teóricos, as crianças são incentivadas desde cedo a cuidar do meio ambiente, já que recebem uma muda para plantar em sua casa ou no local que desejarem”, explicou.

Segundo ele, o diferencial da iniciativa é que a criança escolhe o tipo de muda que quer receber. “Antes da entrega é feita uma pesquisa e o aluno escolhe se quer árvore nativa ou frutífera e, neste caso, qual espécie deseja”, afirmou.

Secretária de Educação de Nova Odessa, Claudicir Brazilino Picolo destacou ainda que além das mudas as crianças também recebem o substrato para cuidarem das plantas. “Numa época em que todos estão correndo atrás para conter a devastação é muito interessante este projeto em que é trabalhada a educação ambiental da criança e também os valores, que são destacados desde o momento em que o aluno escolhe a sua muda. Não tem medida educacional mais efetiva que esta”, disse.

NOVOS BOSQUES – O plantio das mudas teve início na última semana com alunos de seis Cmeis (Centros Municipais de Educação Infantil). “Realizamos o plantio de algumas mudas na escola para mostrar para as crianças e elas receberam as mudas para plantar em suas casas”, disse. “Em todas as unidades participantes será criado um minibosque onde os alunos acompanharão o desenvolvimento das mudas”, complementou Achille.

De acordo com o diretor, cerca de 400 alunos dos Cmeis Prof. José Mário de Morais, Padre Victor Facchin, Profa. Maria Cecília Borriero Milani, Prof. Agildo Silva Borges, Prof. Walter Merenda e Walderez Gazzetta participaram da primeira etapa do projeto. No dia 18 será realizada uma nova etapa envolvendo cerca de 620 crianças dos Cmeis Padre Renato Marchioro, Toca do Coelho e Beija Flor.

Ele destacou ainda que além das escolas, estão programados futuramente plantios em áreas públicas a serem indicadas pela Secretaria de Meio Ambiente. “É um projeto que está apenas começando e que em breve deixará nossa cidade ainda mais verde”, finalizou.

Fotos: Osnei Réstio