Papirus amplia rastreamento e reciclagem de papel pós-consumo
Iniciativa permitirá gerar créditos de reciclagem e fortalecerá atuação sustentável da fabricante de papelcartão
Compartilhe nas redes sociais

Papirus dá início a um projeto arrojado para fortalecer sua posição como a maior recicladora do segmento de papelcartão e cujas atividades estão pautadas na sustentabilidade e na economia circular. A empresa passa a aderir à plataforma da cleantech Polen, visando certificar e catalogar informações referentes à rastreabilidade e origem dos materiais reciclados recebidos das cooperativas e de outras fontes e transformá-los em créditos de reciclagem. 

Esses créditos serão transferidos para os fabricantes de grandes marcas de consumo (brand owners), que assim poderão atestar seu compromisso com a sustentabilidade e a destinação correta das embalagens, como determina a Política Nacional de Resíduos Sólidos. 

Segundo Amando Varella, diretor Comercial e Marketing da Papirus, a necessidade crescente por mais transparência nas práticas sustentáveis das empresas tem provocado o aumento na procura por papelcartão reciclado, como o Vitacycle, que tem 30% de fibras pós-consumo. 

INOVADOR

“A geração de créditos de reciclagem é um conceito inovador que pode ter um forte impacto para impulsionar o mercado de reciclagem e dar o aval de sustentabilidade que as grandes marcas e os consumidores requerem hoje”, afirma Varella. 

Em geral, a quase totalidade das fibras recicladas utilizadas na Papirus é proveniente dos resíduos pós- -industriais gerados na produção das embalagens e no envase nos brand owners. Já o resíduo de papelcartão pós-consumo - ou seja, aquele proveniente da coleta das embalagens já utilizadas e descartadas pelos consumidores finais - tem participação menor. 

“Com o novo sistema, a tendência é o volume de pós-consumo crescer, principalmente porque este modelo soluciona a falta de estrutura de logística reversa de muitas empresas para coletar e destinar os resíduos das embalagens descartadas pelo consumidor”, explica. 

BENEFÍCIOS 

O diretor da Papirus destaca que este projeto vai agregar valor não apenas para os brand owners, mas também para as gráficas que são seus clientes e que imprimem as embalagens. “Para os brand owners, que querem reciclar suas embalagens, a compra de gráficas que usam o papelcartão da Papirus, e que atesta a origem das fibras recicladas, é uma forma de atender a Política Nacional de Resíduos Sólidos, que obriga as empresas que colocam produtos embalados no mercado a neutralizarem, pelo menos, 22% do volume destas embalagens anualmente”, acrescenta Varella. 

O impacto positivo chega também ao consumidor final, graças ao selo da Polen, que poderá ser inserido nas embalagens produzidas e que traz um QR Code por meio do qual é possível acessar os dados que demostram os índices de uso de material reciclado da cooperativa, entre outras informações relativas à sustentabilidade do ciclo de produção e ao ciclo de vida da embalagem.




Powered by Froala Editor